terça-feira, 2 de agosto de 2011

Prova de Fisioterapia com gabarito

01 - Só abra este caderno após ler todas as instruções e quando for autorizado pelos fiscais da sala.
02 - Preencha os dados pessoais.
03 - Autorizado o início da prova, verifique se este caderno contém 50 (cinqüenta) questões. Se não estiver
completo, exija outro do fiscal da sala.
04 - Todas as questões desta prova são de múltipla escolha, apresentando como resposta uma alternativa correta.
05 - Ao receber a folha de respostas, confira o nome da prova, seu nome e número de inscrição. Qualquer
irregularidade observada, comunique imediatamente ao fiscal.
06 - Assinale a resposta de cada questão no corpo da prova e só depois transfira os resultados para a folha de
respostas.
07 - Para marcar a folha de respostas, utilize apenas caneta esferográfica preta e faça as marcas de acordo com o
modelo ( ••••••••••••• ).
A marcação da folha de resposta é definitiva, não admitindo rasuras.
08 - Só marque uma resposta para cada questão.
09 - Não risque, não amasse, não dobre e não suje a folha de respostas pois isso poderá
prejudicá-lo.
10 - Se a Comissão verificar que a resposta de uma questão é dúbia ou inexistente, a questão será
posteriormente anulada e os pontos a ela correspondentes distribuídos entre as demais.
11 - Os fiscais não estão autorizados a emitir opinião nem prestar esclarecimentos sobre o conteúdo das provas.
Cabe única e exclusivamente ao candidato interpretar e decidir.
Nome: Inscrição:
Identidade: Órgão Expedidor:
Assinatura:
COMISSÃO DE PROCESSOS
SELETIVOS E TREINAMENTOS
LEIA COM ATENÇÃO
Fisioterapeuta
www.pciconcursos.com.br
Português
TEXTO 1
O vício começa em casa
Uma pesquisa realizada pela Universidade Federal de São
Paulo (Unifesp) com 213 adolescentes revelou um dado
assustador: 80% deles experimentam bebida alcoólica pela
primeira vez em companhia dos familiares quando tinham
entre 9 e 13 anos. Em 40% dos casos, os pais eram
alcoólatras. “O pai que chega em casa estressado e bebe
para relaxar está passando ao filho a mensagem de que o
álcool pode ser um alívio em situações difíceis”, observa um
psiquiatra. A propaganda também estimula o consumo de
álcool, pois vincula a bebida ao glamour e à satisfação
plena. De acordo com um relatório da Organização Mundial
de Saúde, nos países europeus que aboliram os anúncios
de bebidas alcoólicas houve redução de 16% do consumo.
O Ministério da Saúde não planeja nenhuma campanha
específica para tentar baixar o consumo de bebida. Uma
pena.
(Revista Cláudia. São Paulo, ano 40, n.4, abr. 2001, p. 32).
01. Com base em aspectos gerais de sua compreensão,
pode-se dizer que o texto acima:
1) escrito em linguagem formal, tece considerações
que se apóiam em dados consistentes e na
apreciação de especialista abalizado.
2) é inteiramente construído a partir de uma análise
objetiva do tema, eximindo-se seu autor de
qualquer observação pessoal.
3) poderia ilustrar a tese de que a formação do
homem se sujeita também às contingências de
vida a que ele se submete.
4) traz uma constatação de que o discurso
publicitário, mesmo de forma sutil, constitui um
veículo de valores éticos e sociais.
5) traz implícita uma crítica à política nacional de
intervenção na tentativa de se alterar os padrões
do comportamento social.
6) defende a idéia de que a satisfação plena da
condição humana resulta de fatores
inerentemente externos e eventuais.
Estão corretas:
A) 1, 2, 3, 4 e 5 apenas
B) 4 e 6 apenas
C) 1, 3, 4 e 5 apenas
D) 1, 2 e 6 apenas
E) 1, 2, 3, 4, 5 e 6
02. O texto 1, em seu todo, deve ser interpretado como um
texto:
A) de caráter técnico-científico, com um propósito de
divulgação, por isso, obviamente neutro e
imparcial.
B) de comentário, contendo sutis observações
críticas, em torno de certos ardis a que a
população está sujeita.
C) apelativo, dirigido preferencialmente a um público
jovem; daí o nível despretensioso e informal de
sua abordagem.
D) explicativo, em que o autor questiona a ética e a
consistência de certas condutas políticas da
publicidade.
E) com função estética e, assim, deve ser entendido
em sua dimensão predominantemente simbólica
e polissêmica.
03. Em diferentes partes do texto, são estabelecidas
relações semânticas de ‘causa’ e ‘efeito’, como
aquelas que ligam:
1) os apelos publicitários e a liberdade de consumo.
2) a vivência familiar e a formação de hábitos.
3) a política pública e o comportamento social.
4) a pesquisa e os desvios comportamentais.
Estão corretas:
A) 1, 2, 3 e 4
B) 1, 2 e 3 apenas
C) 1, 3, 4 apenas
D) 2 e 4 apenas
E) 3 e 4
04. Certas situações sociais exigem que se fale ou se
escreva de acordo com a norma padrão da língua.
Assinale a alternativa em que a concordância e a
regência verbal dos seguintes enunciados estão
segundo essas normas.
A) No Brasil, 80% dos adolescentes se inicia
prematuramente ao mundo das drogas.
B) Nenhum dos familiares presentes se mostraram
interessados em assistir à conferência sobre
alcoolismo.
C) O resultado das últimas pesquisas mostraram um
dado assustador: a família cabe a maior
responsabilidade.
D) As causas do consumo excessivo e prematuro do
álcool nunca foi suficientemente debatido. A
quem se poderia responsabilizar?
E) Qual das campanhas sobre alcoolismo pôde
corresponder aos apelos de que a gravidade do
problema se ressente?
05. O sentido dos radicais e dos prefixos que aparecem
destacados nas palavras seguintes estão corretamente
indicados entre parênteses na alternativa:
A) calorífero (que produz); anfíbio (de lado contrário)
B) dicotomia (duplicidade); epiderme (posição
superior)
C) ignívoro (fogo); dispnéia (movimento para fora)
D) piscicultura (alma); antípoda (ação contrária)
E) anemógrafo (vento); democracia (liberdade).
www.pciconcursos.com.br
Sistema único de Saúde (SUS)
06. São princípios do Sistema Único de Saúde (SUS):
1) universalidade de acesso aos serviços de saúde,
em todos os níveis de assistência.
2) participação da comunidade.
3) igualdade de assistência à saúde, sem
preconceitos ou privilégios de qualquer espécie.
4) integralidade da assistência, entendida como
conjunto articulado e contínuo de ações e
serviços preventivos e curativos, individuais e
coletivos, exigidos para cada caso, em todos os
níveis de complexidade do sistema.
5) descentralização político-administrativa, com
direção única em cada esfera de governo.
Estão corretas:
A) 1, 2 e 4 apenas
B) 3, 4 e 5 apenas
C) 2 e 4 apenas
D) 1, 3 e 5 apenas
E) 1, 2, 3, 4 e 5
07. A Lei Orgânica da Saúde, Lei 8.080 de 19 de setembro
de 1990, e a Lei 8.142 de 28 de dezembro de 1990
estabelecem, com relação ao financiamento e à gestão
financeira do SUS, que:
A) o orçamento da Previdência Social destinará ao
SUS, de acordo com a receita estimada, os
recursos necessários à realização de suas
finalidades.
B) os valores a serem transferidos pelo Governo
Federal aos municípios obedecerão à lógica do
pagamento por produção, aliado à consideração
do perfil epidemiológico da população.
C) as transferências intergovernamentais para a
saúde serão distribuídas proporcionalmente ao
número de habitantes.
D) os recursos financeiros do SUS serão
depositados em conta especial, em cada esfera
de atuação, e movimentados sob fiscalização dos
respectivos conselhos de saúde.
E) a fim de receberem os recursos do Fundo
Nacional de Saúde, para cobertura de ações e
serviços de saúde, é suficiente que os municípios
tenham Fundo de Saúde, Conselho de Saúde e
Conferência de Saúde.
08. A Norma Operacional Básica da Assistência à Saúde –
NOAS-SUS 01/01 - considera que a estratégia da
Saúde da Família encontra-se em expansão e vem se
consolidando como um eixo estruturante para a
organização da atenção à saúde. Os Programas de
Saúde da Família (PSF) e os Programas de Agentes
Comunitários de Saúde (PACS), compõem o modelo
assistencial, na perspectiva de:
A) garantir os cuidados suficientes às necessidades
da população, privilegiando a atenção básica e
simplificando o modelo assistencial.
B) privilegiar o modelo assistencialista de atenção à
saúde, tendo o médico como sujeito central e
fundamental no processo de saúde.
C) funcionar como porta de entrada do sistema de
saúde, articulando-se com a atenção secundária
e terciária.
D) responder ao perfil epidemiológico predominante
no país, pelo qual o adoecimento deve-se a
problemas de saúde coletiva.
E) estruturar os sistemas municipais de saúde, com
base na predominância de níveis secundários de
atenção.
09. De acordo com a Lei 8080/90, são da competência das
três esferas de governo as ações abaixo citadas,
exceto aquelas relacionadas:
A) ao saneamento básico.
B) à vigilância sanitária.
C) à saúde do trabalhador.
D) à vigilância epidemiológica.
E) ao controle da natalidade.
10. A vigilância sanitária consiste em um conjunto de
ações:
A) capazes de eliminar, diminuir e prevenir riscos à
saúde e de intervir nos problemas sanitários
decorrentes do meio ambiente.
B) destinadas à detecção de determinadas doenças
que afetam as comunidades da periferia urbana.
C) voltadas exclusivamente à fiscalização de
alimentos destinados aos centros de distribuição.
D) programadas para avaliação e controle do valor
nutricional dos alimentos hortigranjeiros.
E) destinadas à fiscalização do meio ambiente,
sobretudo em regiões afetadas por grandes
estiagens.
11. As ações previstas pela vigilância epidemiológica
visam:
A) obter a participação da comunidade na detecção
dos problemas regionais de saúde.
B) avaliar o impacto que as tecnologias provocam
na saúde da população mais carente.
C) recomendar e adotar medidas de prevenção de
controle das doenças ou agravos.
D) registrar e divulgar a descentralização dos
serviços para os municípios.
E) divulgar o potencial dos serviços de saúde
existentes nas comunidades urbanas.
12. Em relação à saúde do trabalhador, a Lei 8080/90
contém atividades que abrangem:
1) recursos humanos destinados à proteção
permanente do ambiente de trabalho.
2) estudos, pesquisas, avaliação e controle de
riscos e agravos potenciais à saúde presentes
em situações de trabalho.
3) assistência ao trabalhador vítima de acidente de
trabalho.
4) avaliação do impacto que as tecnologias causam
à saúde.
5) participação do Sindicato dos Trabalhadores na
defesa dos mesmos, quando existir risco iminente
de agravo à saúde.
Estão corretas apenas:
A) 1, 3, 4 e 5
B) 1, 2 e 5
C) 1 e 4
D) 2, 3 e 4
E) 2, 3, 4 e 5
www.pciconcursos.com.br
Conhecimento Específico
13. Sobre a Síndrome da Fibromialgia, existem inúmeras
pesquisas que defendem princípios, tais como:
1) Não há uma causa única, ou cura, para seus
sintomas abrangentes e persistentes.
2) É uma condição reumática não-deformante e, de
fato, uma dessas condições mais comuns.
3) É uma condição antiga, atualmente definida como
um complexo de doenças ou síndromes.
4) Suas causas complexas parecem requerer a
atuação de mais de um fator etiológico essencial.
Há teorias sobre quais seriam esses fatores.
Estão corretas:
A) 1, 2 e 4 apenas
B) 1, 2, 3 e 4
C) 1, 2 e 3 apenas
D) 2, 3 e 4 apenas
E) 3 e 4 apenas
14. Já foram comprovados os muitos benefícios dos
exercícios em pacientes com Fibromialgia. Esses
benefícios incluem:
1) diminuição da dor e melhora da sensação de
bem-estar.
2) melhora da força e da flexibilidade.
3) mais energia, melhora da condição
cardiovascular e controle de peso mais eficiente.
4) melhora do sono e da auto-estima.
Estão corretas:
A) 1, 4 apenas
B) 1, 2, 3 e 4
C) 1 e 2 apenas
D) 2 e 3 apenas
E) 1, 3 e 4 apenas
15. Desde a puberdade até a menopausa, a mulher em
período de atividade genital, tem mensalmente um
fluxo sanguinolento decorrente da eliminação da
camada superficial funcional do endométrio,
proveniente da cavidade uterina. A dinâmica do ciclo
menstrual compreende algumas fases, tais como:
1) fase folicular.
2) ovulação.
3) fase lútea.
4) coagulação.
Estão corretas:
A) 1, 3 apenas
B) 1, 2, 3 e 4
C) 1 e 2 apenas
D) 2 e 3 apenas
E) 1, 2 e 3 apenas
16. A criança portadora da Síndrome de Down tem como
características principais, entre outras:
1) hipotonia muscular e hipermobilidade articular
generalizada, acompanhada de flacidez
ligamentar.
2) pescoço de aspecto, longo com encurtamento
muscular.
3) mãos e quirodáctilos pequenos e espessos.
4) rosto chato com fenda palpebral mongolóide e
base do nariz achatada.
Estão corretas:
A) 1, 2 e 3 apenas
B) 1, 2, 3 e 4
C) 1 e 3 apenas
D) 2 e 3 apenas
E) 1, 3 e 4 apenas
17. Na Síndrome da Miodistrofia de Duchenne, o paciente
apresenta:
A) uma hiperlordose com abdome protuso.
B) os quirodáctilos pequenos e em baqueta de
tambor.
C) hipertonia da musculatura da coxa.
D) dores de grande intensidade, quando sentado,
devido à compressão dos glúteos.
E) postura ereta e marcha normal.
18. Sabendo-se que, em crianças, a Fratura
Supracondiliana do úmero é a fratura do cotovelo mais
freqüente, assinale a alternativa correta.
A) A fratura é produzida de maneira característica,
por uma queda com a mão e o cotovelo em
flexão.
B) Um sinal clínico muito importante da fratura em
questão é o cúbito varo, antes de ser realizada a
redução.
C) A contratura isquêmica de Volkmann é, sem
dúvida, a pior complicação desta fratura.
D) Neste tipo de fratura, a penetração do músculo
braquial anterior na derme causa edema e
hemorragia subcutânea.
E) A característica deste tipo de fratura é a de não
apresentar dor, visto não ter deslocamento de
fragmento.
19. A saúde do trabalhador é uma das preocupações de
grandes empresas, que buscam na Ergonomia uma
solução para a diminuição da ausência do trabalho.
Sobre a Ergonomia, podemos afirmar que o seu
objetivo central é:
A) analisar a atividade do trabalho.
B) definir a forma como os homens deveriam se
comportar nas situações do trabalho.
C) analisar a natureza da atividade realizada pelo
homem.
D) descrever as particularidades do trabalho
humano.
E) analisar as novas situações de trabalho, na era
tecnológica.
www.pciconcursos.com.br
20. Podem ocorrer fraturas nos vários componentes das
vértebras. Existe uma lesão chamada Espondilólise,
que é mais incidente na região lombar. Sobre esta
lesão, podemos afirmar que:
1) envolve uma fratura por fadiga no arco neural
posterior, em um local chamado parte
interarticular.
2) quando a espondilólise se desenvolve dos dois
lados, pode ocorrer uma condição chamada de
espondilolistese.
3) este tipo de lesão envolve lâminas e processos
transversos.
4) este tipo de lesão envolve, além das lâminas e
dos processos transversos, os processos
espinhosos.
Estão corretas:
A) 1, 2 e 3 apenas
B) 1, 2, 3 e 4
C) 1 e 3 apenas
D) 1 e 2 apenas
E) 1, 3 e 4 apenas
21. Sobre a fratura do colo do fêmur em idosos, podemos
afirmar que:
A) não existe indicação para tratamento fisioterápico
para este paciente na fase de leito.
B) o único recurso indicado, durante a fase
hospitalar, é mobilização ativa dos membros
superiores, concomitante ao trabalho respiratório.
C) para ser mobilizado o membro inferior lesado, é
imprescindível que se posicione o paciente em
decúbito ventral, durante a fase hospitalar.
D) a fisioterapia atua precocemente, nas primeiras
48 horas do pós-operatório, para que o paciente
possa se erguer o mais rápido possível, evitando
problemas respiratórios e circulatórios.
E) o membro inferior contralateral também não deve
ser mobilizado, para que não ocorra pressão no
foco da fratura, durante a fase hospitalar.
22. Em idosos, a fratura de membro superior mais
incidente é a de Colles, que deixará o paciente
imobilizado em aparelho gessado axilopalmar por duas
a três semanas, trocado depois por uma luva gessada.
O objetivo do tratamento fisioterápico é:
1) manter o aspecto típico da mão em dorso de
garfo.
2) favorecer o desvio radial da mão.
3) reduzir o edema instalado, permitindo a
mobilidade do punho e dos dedos.
4) recuperar os movimentos finos da mão.
Estão corretas:
A) 1, 2 e 3 apenas
B) 1, 2, 3 e 4
C) 1 e 3 apenas
D) 1 e 2 apenas
E) 3 e 4 apenas
23. A lesão do plexo braquial por trauma obstétrico é
comum. A Fisioterapia intervém precocemente com
bons resultados. Sobre os recursos cinesioterápicos
utilizados, assinale a alternativa correta.
A) Em crianças com a idade abaixo de 01 ano de
vida, não se faz uso dos exercícios em
suspensão.
B) Os exercícios de alongamento muscular para o
membro superior lesado não têm indicação
independentemente da idade.
C) A mobilização passiva do membro superior
lesado, concomitante aos movimentos ativos
estimulados, é um recurso eficaz
independentemente da idade.
D) A massoterapia de deslizamento superficial não
oferece benefícios ao paciente com menos de um
ano de vida.
E) A massoterapia de deslizamento profundo não
oferece benefícios ao paciente com menos de um
ano de vida.
24. No tratamento da esclerose múltipla, a Fisioterapia
atua com objetivos definidos, exceto:
A) melhorar a coordenação.
B) facilitar o controle muscular ativo.
C) aumentar as influências do tônus no movimento.
D) melhorar o padrão da marcha.
E) diminuir os padrões espásticos anormais.
25. No Parkinsonismo, os pacientes, em sua grande
maioria, são idosos e mostram os efeitos do
descondicionamento músculo-esquelético
generalizado. Sobre estes efeitos, podemos afirmar
que:
1) a rigidez e a falta de movimento a qualquer
segmento corporal causará graves contraturas e
deformidades.
2) a disfonia e a diminuição do volume da fala são
causadas pela rigidez da musculatura da fala,
como também pela diminuição da excursão
torácica.
3) ocorrem alterações respiratórias, resultantes da
rigidez dos intercostais e das posições de flexão
e flexo-adução do tronco e dos membros
superiores.
4) ocorrem alterações nutricionais, devido a
problemas para comer, mastigar e engolir; ocorre
fadiga e exaustão e se agrava a osteoporose por
causa da idade e da inatividade.
Estão corretas:
A) 1, 2 e 3 apenas
B) 1, 2, 3 e 4
C) 1 e 3 apenas
D) 1 e 2 apenas
E) 3 e 4 apenas
www.pciconcursos.com.br
26. A espinha bífida é a falta de fechamento do canal
vertebral em virtude de um defeito no desenvolvimento
das vértebras. Sobre essa alteração, podemos afirmar
que:
1) na presença de um simples defeito do
fechamento do canal vertebral, tem-se a espinha
bífida oculta.
2) a presença da falha do canal vertebral se
combina com a presença de um saco formado
pela pele e pelas meninges. É o caso da
meningocele.
3) a presença da falha do canal vertebral se
combina com a presença de um saco formado
pela pele, pelas meninges e pela medula. Tratase
da mielomeningocele.
4) a presença da espinha bífida oculta muitas vezes
é descoberta por exame de RX ou até mesmo
pela palpação da coluna vertebral.
Estão corretas:
A) 1, 2, 3 e 4
B) 1, 2 e 3 apenas
C) 1 e 3 apenas
D) 1 e 2 apenas
E) 3 e 4 apenas
27. Em relação à radiação laser de baixa intensidade é
correto afirmar que:
A) o laser de He/Ne age mais profundamente do que
o de Ga/As.
B) o efeito analgésico do laser de Ga/As é mais
eficaz do que o do TENS.
C) por apresentar ressonância com a hemoglobina,
o laser de Ga/As é mais eficaz do que o laser de
He/Ne, na cicatrização de feridas superficiais.
D) o laser de Ga/As diminui a velocidade de
condução nas fibras C.
E) o efeito cicatricial do laser de baixa intensidade
ocorre por aumento da temperatura dos tecidos
irradiados.
28. O principal benefício da hidroterapia é:
A) anular os efeitos da força da gravidade.
B) tornar o tratamento mais agradável e refrescante.
C) trabalhar mais intensamente a coordenação
neuromuscular.
D) diminuir os esforços sobre as articulações.
E) facilitar a circulação de retorno.
29. Na utilização da eletroterapia, podemos afirmar que:
A) a osteosíntese constitui uma contra-indicação
absoluta à sua aplicação.
B) a corrente russa é constituída por uma portadora
de 2500 Hz, modulada em 90 Hz.
C) a corrente interferencial consiste na interseção de
duas correntes de 4000 Hz.
D) a corrente contínua interrompida constitui uma
contra-indicação no tratamento da paralisia facial
periférica.
E) a corrente farádica, por ter um tempo de
sustentação muito longo, é a mais indicada no
fortalecimento muscular.
30. A utilização da massoterapia proporciona:
A) fortalecimento muscular.
B) quebra de aderências mio-fasciais.
C) aumento da expansão torácica, no caso de asma
brônquica.
D) melhor tratamento das varizes trombosadas.
E) aumento da amplitude articular.
31. Em relação à utilização da termoterapia, podemos
afirmar que:
A) o efeito analgésico da crioterapia se dá
diminuindo a velocidade das reações enzimáticas
e promovendo uma diminuição na despolarização
das fibras nervosas sensitivas.
B) a utilização dos ultra-sons, com potência de
1W/cm
2
, é efetuada mudando-se constantemente
a posição do cabeçote, para não causar o efeito
de cavitação.
C) na síndrome de Reynaud (acrocianose), o
tratamento mais indicado é a crioterapia.
D) não devemos aplicar os ultra-sons terapêuticos
sobre implantes metálicos para não induzir
correntes parasitas e aquecer o metal.
E) na fase aguda da entorse de tornozelo, o
tratamento mais adequado é o banho de
contraste.
32. Com relação a praxis fisioterápica assinale a
alternativa correta.
A) Na fase imediata da meniscectomia, a
cinesioterapia é bastante auxiliada pelos
exercícios na bicicleta estacionária.
B) A manipulação se constitui em um dos melhores
métodos para a reversão da escoliose
compensada (em S).
C) A atividade dos digitadores, trabalhando sem o
apoio dos braços, causa uma sobrecarga dos
extensores do punho, podendo desenvolver uma
tenosinovite, que deve ser prevenida com
exercícios programados.
D) A flexão do tronco sobre as coxas, quando o
paciente está em decúbito dorsal, com os
membros inferiores em extensão, nos primeiros
30o, é efetuada pelos músculos retos abdominais.
E) Atualmente, a tração cervical com pesos é a
melhor opção para a resolução das cervicalgias.
33. Com relação aos ultra-sons, podemos afirmar que:
A) a zona central do cabeçote (zona de Fresnel)
emite um feixe ultra-sônico muito mais
concentrado do que na periferia (zona de
Frauhof).
B) os tecidos de maior densidade (tendões e
cartilagens) apresentam uma menor absorção do
feixe ultra-sônico.
C) o efeito tixotropo não tem utilidade como
elemento terapêutico.
D) não existe no corpo humano efeito semelhante ao
efeito piezoelétrico encontrado nos cristais.
E) o êxito da fonoforese não depende da
impedância acústica dos tecidos.
www.pciconcursos.com.br
34. Sobre as aplicações ionizantes, é correto afirmar que:
A) Hoje em dia, as aplicações de ondas curtas e
microondas são as mais conceituadas na
Fisioterapia, em função de seus ótimos resultados
terapêuticos e da ausência de efeitos colaterais.
B) As radiações ionizantes, presentes nas
microondas, são as menos prejudiciais à saúde.
C) A intensidade de campo magnético, adequada às
atividades profissionais, está entre 3 e 10 mT.
D) O eletrodiagnóstico clássico, efetuado pelo
fisioterapeuta em sua clínica, é o último passo na
pesquisa da integridade do sistema neuromuscular.
E) Os canais iônicos, dependentes de pressão e
dependentes de voltagem, não são os únicos
responsáveis por todas as reações de
despolarização que ocorrem no organismo
humano.
35. Constitui contra-indicação absoluta em Fisioterapia:
A) aplicar crioterapia em membros inferiores de
paciente com hipertensão arterial.
B) submeter o paciente portador de marca-passo
cardíaco à aplicação de ultra-sons nos membros
inferiores.
C) tratar a paciente gestante com ondas-curtas na
região lombar.
D) aplicar radiação infravermelha em pacientes com
epilepsia.
E) utilizar ultra-sons sobre contratura das
musculatura do trapézio.
36. Sobre a influência de agentes físicos no corpo humano
assinale a alternativa correta.
A) A irradiação é a maior responsável pela perda de
calor do corpo.
B) Quanto maior a umidade relativa do ar, maior a
eficácia da sudorese.
C) Impedância é o conjunto de oposições
apresentadas pelo corpo humano, quando ele é
submetido à corrente contínua.
D) A TENS em “burst” é mais eficaz do que a
modalidade “VIF”, no que se refere à
acomodação das fibras nervosas sensitivas.
E) As encefalinas são muito eficazes no efeito
analgésico, por apresentarem longas cadeias de
aminoácidos.
37. Sobre o treinamento dos músculos respiratórios, não
se pode afirmar que:
A) a sustentação da ventilação voluntária máxima é
uma forma de treinamento de endurance dos
músculos da respiração, sendo realizado com a
ventilação minuto alta, durante tempo
prolongado.
B) o threshold é um aparelho específico, para
treinamento dos músculos respiratórios, que
utiliza como carga linear a válvula de spring load.
C) o treinamento não específico para os músculos
respiratórios pode ser realizado através de
exercícios dos membros inferiores e superiores.
D) a associação do treinamento específico e não
específico dos músculos respiratórios é
comumente utilizada para doentes com doença
pulmonar obstrutiva crônica.
E) o treinamento específico dos músculos
respiratórios com carga alinear dá-se através de
sistemas de orifícios e a carga independe do
fluxo inspiratório.
38. Com relação aos músculos respiratórios, é correto
afirmar que:
A) a fadiga muscular corresponde à perda da
capacidade de gerar força ou à velocidade de um
músculo encurtar, em resposta a uma carga,
sendo irreversível ao repouso.
B) a falência é incapacidade de gerar força, com a
força muscular inspiratória entre 20 e 30cmH2O.
C) o diafragma é o principal músculo respiratório
inervado pelo nervo frênico, através de raízes de
C3 a C5 e com interrupção de fluxo sangüíneo
durante a contração de suas fibras.
D) as fibras diafragmáticas do tipo I compõem 45%
das fibras oxidativas; ricas em hemoglobina,
permitem o trabalho respiratório continuado.
E) em 40% a 70% da ventilação máxima, os
esternocleidomastóideos e os extensores da
coluna vertebral participam da fase final da
inspiração.
39. Sobre os padrões ventilatórios é correto afirmar que:
A) no padrão de soluços inspiratórios, é possível
expandir as zonas basais, incrementar a CPT e o
volume de reserva inspiratório.
B) no padrão de inspiração em tempos ou soluços
inspiratórios, a inspiração é nasal, suave, curta e
interrompida por curtos períodos de apnéia pósinspiratória.
C) o padrão desde o VR implica que a inspiração
comece a partir de uma expiração simples,
ocorrendo assim a expansão torácica superior.
D) o padrão de expiração abreviada é um padrão
típico de desinsuflação pulmonar.
E) o padrão ventilatório com VVM não é
recomendado em casos de treinamento
muscular, pois incrementa o trabalho respiratório.
40. Uma das principais complicações do pós-operatório é
a presença de atelectasias. Sobre tais complicações,
podemos afirmar que:
1) a maioria dos pacientes, no período pósoperatório,
apresentam tosse ineficaz, decorrente
da redução da capacidade de realizar inspirações
profundas, o que leva à possibilidade de retenção
de secreção e de atelectasia, em pacientes com
produção excessiva de muco.
2) os incentivadores respiratórios (triflo, respiron,
voldyne etc) podem ser usados para reverter as
atectasias, no pós-operatório de pacientes e
devem ser realizados em altas freqüências
respiratórias, para evitar a alcalose respiratória.
3) os fatores que contribuem com a atelectasia pósoperatória
incluem a anestesia geral, a respiração
superficial, a alteração na produção de
surfactante e uma diminuição na capacidade
residual funcional, podendo levar ao colapso
alveolar, mais freqüente nas porções basais do
pulmão.
Estão corretas apenas:
A) 1 e 2
B) 1 e 3
C) 2 e 3
D) 1
E) 3
www.pciconcursos.com.br
41. A hiperinsuflação pulmonar com o uso do AMBU pode
ser usada para ventilar o paciente manualmente, mas
também pode ser usada durante os procedimentos de
fisioterapia respiratória. Sobre esse processo, analise
as seguintes afirmativas.
1) Pneumotórax não-drenado, broncoespasmo,
instabilidade cardiovascular com arritmias e
hipovolemia, hemoptise são contra-indicações da
hiperinsuflação manual.
2) A hiperinsuflação manual com uma sustentação
inspiratória prolongada é indicada num paciente
com pulmão hiperinsuflado, como, por exemplo,
no caso de enfisema.
3) Depois de terminar a hiperinsuflação pulmonar, o
esforço respiratório espontâneo do paciente deve
ser monitorizado.
4) São indicações da hiperinsuflação manual: ajudar
na remoção de secreções, re-expandir
segmentos atelectasiados, recrutar a ventilação
colateral.
Estão corretas apenas:
A) 1, 2 e 3
B) 1 e 2
C) 1 e 3
D) 2 e 4
E) 1, 3 e 4
42. Sobre o sistema respiratório da criança e a Fisioterapia
Respiratória aplicada nessa fase, é incorreto afirmar:
A) a aspiração nasofaríngea ajuda a remover a
secreção das vias aéreas superiores e é usada
quando a criança apresenta estridor e logo após
a extubação.
B) a estrutura da parede brônquica é diferente em
lactantes. A cartilagem é menos firme e há
proporcionalmente mais glândulas mucosas.
Estes fatores predispõem à obstrução e ao
colapso da via aérea.
C) existem poucos alvéolos nas crianças jovens e,
portanto, menos área de superfície para troca
gasosa.
D) os canais ventilatórios colaterais entre os
alvéolos, bronquíolos respiratórios e brônquios
terminais são menos desenvolvidos até 2-3 anos
de idade, predispondo ao colapso alveolar; por
isto, a hiperinsuflação pulmonar com o uso do
AMBU pode aumentar o risco de pneumotorax.
E) as costelas dos lactentes estão posicionadas;
portanto, não existe o movimento de “alça de
balde” da respiração.
43. Sobre a insuficiência respiratória, podemos afirmar:
1) a insuficiência respiratória crônica pode ser
representada por uma gasometria arterial, que
demonstre hipercapnia, com evidências de uma
alcalose metabólica compensatória, ou por uma
policitemia que reflete a hipoxemia crônica.
2) o trabalho respiratório excessivo é a causa mais
comum de fadiga muscular respiratória.
3) a insuficiência respiratória aguda é identificada
por uma PaCO2 > 50mmHg e/ou uma PaO2
<60mmHg, num indivíduo saudável em outros
aspectos, que esteja ao nível do mar.
Estão corretas:
A) 1 apenas
B) 2 apenas
C) 1 e 2 apenas
D) 1, 2 e 3
E) 2 e 3 apenas
44. São efeitos benéficos da PEEP, exceto:
A) restauração da CRF e recrutamento alveolar.
B) diminuição da fração de shunt.
C) aumento da complacência pulmonar.
D) diminuição potencial do retorno venoso e do
débito cardíaco.
E) diminuição do trabalho respiratório.
45. Sobre a ventilação mecânica, analise as afirmativas
abaixo.
1) Os efeitos fisiológicos positivos da ventilação com
pressão positiva incluem a melhoria da
oxigenação e da ventilação, a expansão alveolar,
a diminuição do trabalho respiratório e do
trabalho cardíaco e a melhoria da liberação do
oxigênio.
2) A ventilação com pressão positiva é prejudicial à
relação V/Q, sobretudo por desviar a ventilação
para as áreas que são menos perfundidas. Ela
pode causar hiperventilação, lesão tecidual e
barotrauma, caso não seja cuidadosamente
controlada.
3) A ventilação com pressão positiva pode aumentar
o retorno venoso e o débito cardíaco,
especialmente quando ela eleva a pressão
intrapleural e a pressão média das vias aéreas.
4) A ventilação com pressão positiva pode causar
insuficiência renal, hepática e gastrointestinal
decorrentes sobretudo da diminuição da perfusão
dos leitos capilares
Estão corretas apenas:
A) 1 e 2
B) 1, 2 e 3
C) 2 e 3
D) 1, 2 e 4
E) 2 e 4
46. São orientações para o suporte ventilatório de
pacientes com obstrução das vias aéreas, exceto:
A) O fluxo inspiratório máximo deve ser ajustado alto
o suficiente para satisfazer às demandas
inspiratórias do paciente e permitir um tempo
expiratório suficiente para evitar o auto-PEEP.
B) Monitorizar e minimizar a auto-PEEP à ventilação
minuto mais alta ao tempo expiratório mais breve
que produza um intercâmbio gasoso aceitável.
C) Quando a auto-PEEP ocorre, níveis baixos de
PEEP podem ajudar a reduzir o trabalho de
disparo da ventilação. A utilização de pressões
de PEEP superiores ao nível da auto-PEEP pode
aumentar a hiperinsuflação e deve ser evitada.
D) Pode ser necessária a utilização da sedação ou
da paralisia, para prevenir a resistência do
paciente e o barotrauma.
E) Sempre que possível, a pressão de platô deve
ser mantida abaixo de 35mmH2O
www.pciconcursos.com.br
47. Para uma paciente de 82 anos, internada na UTI com
desconforto respiratório, que apresenta, do ponto de
vista gasométrico, os seguintes dados: PaO2=88
mmHg, SaO2=93%, pH=7,4; PCO2=55,7; BE=8,0;
HCO3
-=33,5 mmol/L, foi indicada a VNI (ventilação
não-invasiva). Com base nessas informações,
podemos afirmar que esta paciente apresenta:
1) uma acidose respiratória ou uma alcalose
metabólica compensada.
2) uma acidose mista compensada, pois o HCO3 e a
PCO2 estão elevadas.
3) o valor do pH dentro da normalidade, mas o nível
da PCO2 está elevado.
4) uma acidose metabólica, devido aos níveis de
HCO3
- e BE.
Estão corretas apenas:
A) 1 e 4
B) 2 e 3
C) 1 e 3
D) 3 e 4
E) 1 e 2
48. Sobre algumas complicações musculares, analise as
seguintes afirmações.
1) Linfedema é o excesso de edema nos tecidos
causados pela interrupção dos canais linfáticos.
2) A claudicação intermitente e dor no repouso são
sintomatologias características das venopatias.
3) Na pós-mastectomia, pode haver uma tendência
à retenção de liquido, o que leva à formação de
edema no membro superior; para seu tratamento,
basta o posicionamento do membro de forma
elevada, que provocará a drenagem do líquido.
4) O debito cardíaco pode estar reduzido no
indivíduo idoso, em decorrência da diminuição do
retorno venoso, que reduz o volume da ejeção
sistólica, e da redução na freqüência cardíaca.
Estão corretas apenas:
A) 1 e 2
B) 2 e 3
C) 2 e 4
D) 1 e 4
E) 1
49. Sobre as amputações e os respectivos tratamentos
fisioterapêuticos, podemos afirmar que:
1) não se deve intervir no pós-operatório imediato
da amputação, pois o manuseio do coto pode
prejudicar a cicatrização.
2) o edema do coto pode ser reduzido e até evitado,
se for enfaixado de forma a moldá-lo.
3) a presença do membro “fantasma” impede a
intervenção fisioterapêutica.
4) devem ser orientadas as posturas em flexão do
coto, pois isso favorece a adaptação da prótese.
Estão corretas apenas:
A) 1 e 2
B) 2
C) 2 e 3
D) 4
E) 1
50. Sobre o código da ética profissional do Fisioterapeuta,
pode-se afirmar que:
1) é proibido ao fisioterapeuta trabalhar em empresa
não registrada no Conselho Regional de
Fisioterapia e Terapia Ocupacional da região.
2) o fisioterapeuta deve informar o cliente quanto ao
diagnóstico, ao prognóstico fisioterápico e aos
objetivos do tratamento, salvo quando tais
informações possam causar-lhe dano.
3) o fisioterapeuta deve colocar seus serviços
profissionais à disposição da comunidade, em
caso de guerra, catástrofe, epidemia ou crise
social, sem pleitear vantagem pessoal.
4) o fisioterapeuta pode estimular que outro
profissional exerça atividades inerentes à
competência do fisioterapeuta.
Estão corretas apenas:
A) 1, 2 e 4
B) 1 e 3
C) 1, 2 e 3
D) 2 e 4
E) 3 e 4

GAbarito
GABARITO
FISIOTERAPIA
1 C 26 A
2 B 27 D
3 B 28 D
4 E 29 D
5 B 30 B
6 E 31 A
7 D 32 C
8 C 33 A
9 E 34 E
10 A 35 C
11 C 36 A
12 E 37 E
13 B 38 E
14 B 39 A
15 E 40 B
16 E 41 E
17 A 42 A
18 C 43 D
19 A 44 D
20 D 45 D
21 D 46 B
22 E 47 C
23 C 48 D
24 C 49 B
25 B 50 C
www.pciconcursos.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário